Back
Back
  • Andre Moraes Jr. coloca Bardahl Hot Car novamente no alto do pódio da C250 Cup
    1

    Andre Moraes Jr. coloca Bardahl Hot Car novamente no alto do pódio da C250 Cup

    Piloto mais jovem da categoria vence de ponta a ponta no Uruguai e segue firme na busca do título.

    Piloto mais jovem da categoria vence de ponta a ponta no Uruguai e segue firme na busca do título.

Piloto mais jovem da categoria vence de ponta a ponta no Uruguai e segue firme na busca do título.

Mais um final de semana perfeito para o paulista André Moraes Jr. Com 19 anos, o piloto da Bardahl Hot Car conquistou no último domingo (dia 7) sua terceira vitória consecutiva na C250, depois de ter largado novamente na pole position. Na categoria Master, Flávio Andrade também foi ao pódio, chegando em terceiro e mantendo a liderança.

Na CLA Master, dois pódios para a equipe, com Fernando Amorim em terceiro e Cesare Marrucci em quarto. A festa do time de Amadeu Rodrigues só não foi completa em virtude da saída prematura de Fábio Escorpioni. Logo na largada, a CLA #55 do piloto foi acertada por outro competidor e ele não pode continuar na disputa.

A sexta etapa da temporada aconteceu no autódromo Eduardo Prudencio Cabrera, em Rivera, no Uruguai. Foi a primeira corrida do Mercedes-Benz Challenge fora do Brasil em oito anos de existência da competição. Do Uruguai, a categoria parte agora para Curvelo, em Minas Gerais, para a disputa da penúltima etapa do ano no dia 28 de outubro.

Vice-líder do campeonato, Andre Moraes Jr. comemorou muito a vitória e quer seguir firme na briga pelo título. “Foi uma prova com bastante interrupção. Logo na primeira volta, teve um safety car que durou seis, sete voltas. Quando o safety saiu, dei duas, três voltas e já entrei nos boxes para a parada obrigatória”, lembrou o piloto da C250 #12.

“Conseguimos largar bem, não se envolver em acidentes e manter uma boa diferença para o segundo colocado. Fui administrando pra trazer a vitória ‘pra casa’. Foi nossa quarta pole consecutiva, a terceira vitória seguida e isso me anima ainda mais na briga pelo título. Faltam duas etapas e estamos com uma expectativa muito boa. Vamos pra Curvelo tentar mais um resultado positivo”, completou o piloto de Americana, no interior de São Paulo.

Amorim também deixou a pista satisfeito, principalmente após alguns problemas no início da etapa, onde ele largou em 12º. “Foi um final de semana difícil, pista nova, não fomos tão rápidos como gostaríamos. Na corrida, a largada foi complicada. Acabou tendo um acidente envolvendo vários carros, que no final nos beneficiou. Conseguimos um terceiro lugar na Master, que foi bom para o campeonato. Estou a apenas dois pontos do líder do campeonato. Restam duas etapas, a última com pontuação maior, então estamos ai na briga pelo título. No geral, foi um bom resultado final”, destacou o piloto da CLA #88, que tem um pódio no geral, quatro na Master e mais uma vitória na Master.

Marrucci também não conseguiu uma boa posição de largada e, logo no início, precisou lidar com uma pane elétrica na CLA #44. Felizmente, a equipe conseguiu solucionar o problema e o piloto voltou pra pista e foi galgando posições.

“Tive algumas dificuldades na classificação e larguei apenas em 13º, com expectativa de fazer uma corrida de recuperação. Consegui escapar dos acidentes na largada e cheguei a ganhar algumas posições. Porém, ainda na primeira volta, tive uma pane elétrica e o carro entrou em modo de segurança”, contou o piloto de Piracicaba, interior de São Paulo.

“Aproveitei as voltas em que o safety car permaneceu na pista e fiz duas entradas nos boxes, sendo que conseguimos solucionar o problema elétrico. Voltei pra pista em último, atrás de todas C250 e obtive um nono lugar na geral e um quarto na Master, salvando uns pontinhos para o campeonato”, lembrou Marrucci, que está a apenas seis pontos do líder da categoria Master no campeonato.

“Agora vamos focar na penúltima etapa em Curvelo, na esperança de ter mais sorte e menos surpresas”, completou o piloto da CLA #44, soma agora quatro pódios na Master este ano.

Para Escorpioni, a corrida durou poucos metros. O piloto, que largou em sexto, foi acertado por outra CLA e obrigado a abandonar. “Largamos muito bem, ganhando posições, mas não consegui fazer nem a primeira curva, quando um carro me atingiu. Foi uma pena, pois nosso carro estava muito rápido e, com certeza, estaríamos no top 3. Agora treinar para a próxima etapa”, finalizou Escorpioni.

Confira os resultados em Rivera:

CLA
1 RAIJAN MASCARELLO
2 J FERNANDO JR
3 ROGER SANDOVAL
4 LUIZ CARLOS RIBEIRO
5 PIERRE VENTURA (Master)
6 CELLO NUNES
7 CESAR FONSECA (Master)
8 FERNANDO AMORIM (Master)
9 CESARE MARUCCI (Master)
10 FERNANDO POETA (Master)

C250
1 ANDRE MORAES JR
2 MIRO CRUZ
3 PETER M GOTTSCHALK
4 CLAUDIO SIMÃO (Master)
5 M PAIOLI/B ROSSI (Master)
6 JUNIOR VICTORETTE
7 FLAVIO ANDRADE (Master)
8 MAX MOHR (Master)

Classificação dos campeonatos:

CLA AMG (Top-10):
1 Raijan Mascarello – 91 pontos
2 Roger Sandoval – 83
3 J Fernando Jr – 75
4 Luiz Carlos Ribeiro – 71
5 Adriano Rabelo – 66
6 Betão Fonseca – 60
7 Felipe Tozzo - 57
8 Fábio Escorpioni – 51
9 Cesar Fonseca – 46
10 Fernando Amorim – 44
13. Cesare Marrucci – 32

CLA AMG Master (Top-5):
1 Cesar Fonseca – 80 pontos
2 Fernando Amorim – 78
3 Betão Fonseca – 77
4 Cesare Marrucci - 74
5 Pierre Ventura – 65

C250 (Top-5):
1 Peter M Gottschalk – 97 pontos
2 André Moraes Jr. – 88
3 Miro Cruz – 77
4 Flávio Andrade -76
5 M. Paioli/ B. Rossi – 69

C250 Master (Top-5):
1 Flávio Andrade - 101 pontos
2 M. Paioli/ B. Rossi – 89
3 Cláudio Simão - 80
4 João Lemos - 55
5 Max Mohr 53

Fonte: Dilvulgação Promax Bardahl - Fernanda Gonçalves

Foto: Vanderley Soares

Andre Moraes Jr.
Mercedes-Benz Banner

Sorry, es scheint so, als sei die Version deines Browser zu alt!

Bitte aktualisiere deinen Browser oder lade eine aktuelle Version der unten aufgelisteten Browser herunter.

Internet Explorer Internet Explorer Firefox Mozilla Firefox Opera Opera Browser Chrome Google Chrome